Prorrogação de renda básica emergencial é aprovada em São Paulo.

Benefício foi prorrogado por mais três meses.




O projeto de lei para prorrogação da renda básica emergencial paulistana (PL 55/2021) foi aprovado, nesta quarta-feira (24). A bancada do PT por inúmeras tentativas propôs ampliar o número de famílias como beneficiárias e estender o prazo de recebimento.


A medida que concede R$100 para moradores da capital cadastrados em programas sociais e de transferência de renda deve beneficiar mais de 1,287 milhão de munícipes durante a pandemia.


" - baseado nas planilhas apresentadas pelo secretário, a prefeitura teria condições de ampliar e aumentar o benefício já que possui dinheiro suficiente em caixa." Afirma o Vereador Jair Tatto


PROJETO DO PARTIDO DOS TRABALHADORES

O projeto apresentado pelo Executivo foi baseado no PL 620/2016, do Prefeito Fernando Haddad, que visava criar a Renda Básica de Cidadania, a proposta foi adaptada para uma renda emergencial no PL 207/2020, de autoria do Vereador Eduardo Suplicy, que originou o projeto encaminhado pelo prefeito.





Câmara Municipal de São Paulo
Palácio Anchieta - Viaduto Jacareí, 100

10º Andar - Sala 1018 - CEP 01319-900
Tels.: (11) 3396-4294 / 3981

São Paulo - SP